REQUIÃO NO PT COM APOIO DE LULA VOLTA A DISPUTAR O GOVERNO DO PARANÁ

 


O ex-governador e ex-senador pelo Paraná, Roberto Requião, formalizou a filiação ao Partido dos Trabalhadores (PT) nesta sexta-feira (18) durante evento em Curitiba. O político também reforçou a pré-candidatura ao Governo do Estado nas eleições deste ano. O movimento acontece após cerca de 5 meses da saída do MDB, por onde ficou por mais de 40 anos. No antigo partido, Requião foi deputado estadual, prefeito de Curitiba em 1985, senador em 1994 e 2010 e governador por três vezes, em 1990 e também em 2002 e 2006.


O evento de filiação reuniu lideranças do PT e demais apoiadores da sigla no ExpoUnimed, no bairro Campo Comprido. Uma das figuras que marcou presença foi o pré-candidato à Presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

Esta foi a primeira vez que Lula veio a Curitiba depois de ter sido solto em novembro de 2019. Ele ficou preso por mais de um ano na sede da Polícia Federal sob tutela da Lava Jato e teve todas as 24 acusações contra ele, arquivadas. Além de Requião, o filho dele e também deputado estadual, Requião Filho, anunciou filiação ao PT.







Comentários