Guarapuava começa sistema de bandeiras na Laranja

Bandeira Laranja

 

Com a bandeira laranja,  o toque de recolher passa a ser às 22 horas e diversas atividades voltam a funcionar na cidade, especialmente o comércio em geral (de segunda à sexta: das  8h às 20h, sábado: das 8h às 13h), mas com limitações de capacidade dos locais.

 

Lojas, restaurantes, cafeterias, lanchonetes e bares, por exemplo, devem ter ocupação máxima de 25%. A mesma limitação de público serve para os espaços destinados às atividades religiosas que podem ser exercidas diariamente das 7h às 21 h. No entanto, clínicas de estética, salões e barbearias podem abrir, apenas com agendamento. 

 

Academias e Clubes Esportivos voltam a atender, respeitando as limitações de capacidade dos locais e seguindo o protocolo sanitário. Porém, as quadras poliesportivas e equipamentos esportivos PÚBLICOS em geral (parques, praças e afins) só podem ser usados para a prática individual.

 

Seguem proibidas as atividades de Casas noturnas (baladas, salões de bailes e atividades correlatas), espaços kids, casas de festas, de eventos ou recepções, bem como parques infantis e temáticos; salões de festas e churrasqueias de condomínios, bem como o funcionamento de estabelecimentos destinados a mostras comerciais, feiras de varejo, eventos técnicos, congressos, convenções, assembleias, entre outros eventos de interesse profissional, técnico e/ou científico.

 

O transporte coletivo deverá limitar a ocupação em 50% e terá horário diário ampliado, das 06h às 22h.

 

Nós preparamos uma tabela completa com todas as atividades e as restrições impostas pela bandeira laranja. O documento também traz os protocolos sanitários que devem ser adotados por cada setor ou segmento. Para ter acesso, basta clicar aqui

Comentários