A DECISÃO JUDICIAL SOBRE POSSÍVEL IMPUGNAÇÃO DO CANDIDATO A PREFEITO VITOR HUGO SERÁ NA QUARTA -FEIRA

 


A Decisão de julgamento sobre o candidato Vitor Hugo Burko estar ou não inelegível, que seria realizada hoje Segunda - Feira (09)   , ficou para a próxima Quarta – feira (11)  . De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral , Burko está sendo julgado por estar inelegível, devido as suas contas desaprovadas pelo Tribunal de Contas da União.

Hoje durante a sessão de julgamento , um pedido de vista realizado pelo desembargador Carlos Alberto Costa Ritzman, adiou a decisão sobre o candidato a prefeito.


Com base em pedido feito pelo Ministério Público Eleitoral, o juiz da primeira instância, Ricardo Alexandre Spessato de Alvarenga, manteve a inelegibilidade do candidato a prefeito de Guarapuava. , Burko entrou com recurso junto ao Tribunal Regional Eleitoral . Deste modo , na sessão desta segunda, o relator Roberto Ribas Tavarnaro deu parecer pelo desprovimento do recurso. Ou seja, optou pela manutenção da decisão do juiz.

No entanto , o também desembargador Fernando Quadros abriu divergência do provimento. Assim sendo, a sessão de hoje terminou com o empate de 1 a 1.

De acordo com o TRE, votam sete desembargadores. Contudo, hoje  segunda, a sessão contou com apenas cinco desembargadores . Outros dois não estavam no julgamento . Assim, na próxima Quarta, os dois faltosos poderão votar caso sintam-se aptos.

Do contrário, apenas cinco decidirão se Vitor Hugo continuará no processo eleitoral ou terá a candidatura impugnada. Caso optem pela impugnação, os votos que forem depositados a Burko ´poderão ser nulos.


 

Comentários