POLICIA DO PARANÁ CONFUNDE-SE E VAI ANUNCIAR QUE NÃO PRENDEU CUPERTINO



O delegado-geral de Polícia de São Paulo, Ruy Ferraz Fontes, disse que a Polícia Militar do Paraná irá anunciar que se confundiu e que Paulo Cupertino, assassino do ator Rafael Miguel e dos pais dele, não foi preso no norte paranaense.

O próprio Fontes havia divulgado mais cedo que o assassino havia sido preso.

Comentários