segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Preço dos alimentos causa queda no Índice de Confiança do Consumidor em janeiro, revela FGV



O Índice de Confiança do Consumidor (ICC) registrou queda em janeiro e chegou a 90,4 pontos, em uma escala que vai até 200 pontos. Informações da Fundação Getúlio Vargas, responsável pela divulgação dos números, revelam que apesar do recuo, em médias móveis trimestrais, o indicador está em alta.

A coordenadora das Sondagens da FGV, Viviane Bittencourt, afirma que há uma percepção de piora da situação financeira familiar principalmente para os consumidores com menor poder aquisitivo, que pode estar relacionada à pressão recente nos preços de alimentos.
De acordo com a instituição, houve diminuição da confiança para consumidores de todas as classes de renda, exceto para os que têm renda familiar mensal entre R$ 2,1 mil e R$ 4,8 mil.

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA
LIGUE JA