sexta-feira, 7 de junho de 2019

Ministério Público apura falta de transparência na divulgação de salários por estatais paranaenses




O Ministério Público do Paraná abriu um procedimento nesta semana para apurar eventual descumprimento à Lei da Transparência na divulgação dos salários das estatais do governo paranaense. A promotora Danielle Thomé, que atua na Proteção ao Patrimônio Público, instaurou a notícia
de fato após um pedido do deputado estadual Requião Filho.
Ele solicitou ao governo informações detalhadas sobre os salários dos funcionários da Copel, Sanepar, Cohapar e Compagás, e também dos conselheiros dessas empresas. Segundo o deputado, nem todas as estatais repassaram as informações na íntegra. Algumas afirmaram que não poderiam detalhar os salários ou o quadro de funcionários.
A promotoria apura se houve descumprimento à Lei de Acesso à Informação e à Lei da Transparência, e pode tomar medidas administrativas ou judiciais para que o governo regularize a situação.

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA
LIGUE JA