Lobby do jogo se reorganiza no Congresso

A turma a favor da legalização dos jogos – parlamentares e grupos empresariais – voltou a se reorganizar no Congresso, apostando suas fichas na possível tolerância do governo Bolsonaro com a atividade.
Já está prevista o relançamento da Frente Parlamentar Mista pela Aprovação do Marco Regulatório dos Jogos
, no início de maio. E até um jantar numa churrascaria, a módicos 250,00 por cabeça. Tem até deputado que apoia a causa, mas que não tira essa grana do bolso. Informações da Veja.
O lobby, porém, esbarra num grupo forte de apoio e ascendência sobre o presidente: os evangélicos. Não querem saber de roleta e carteado.