terça-feira, 16 de abril de 2019

Ganho real no salário mínimo será zero pelos próximos três anos



O governo anunciou ontem  segunda-feira (15) que o salário mínimo será reajustado apenas pela inflação, sem ganho real. A reposição continuará a ser feita pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC)
, que mede a inflação da cesta básica de famílias com renda de até cinco salários mínimos, mas a conta não vai incluir mais a variação do Produto Interno Bruto (PIB) de dois anos antes. Era essa variação que, na maioria das vezes, garantiu algum aumento real ao piso salarial nos últimos anos.
  nova política de reajuste do salário mínimo consta no Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (PLDO) encaminhado ao Congresso nesta segunda. Se aprovada pelos parlamentares, ela será válida até 2022. Com isso, a previsão é que o salário mínimo fique em R$ 1.040 em 2020, R$ 1.082 (2021) e R$ 1.123 em (2022).

Valores podem ser alterados

O secretário de Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues Júnior, afirmou, porém, que a previsão de reajuste do mínimo apenas pela inflação pode ser alterada até dezembro. Isso vai depender das estimativas macroeconômicas e de despesas e receitas do governo.
Mas, devido ao cenário de ajuste fiscal, o governo preferiu manter na PLDO uma política de reajuste apenas pela inflação. O valor exato, porém, só será definido via decreto presidencial, em 1º de janeiro.

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA
LIGUE JA