quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

COMITIVA DE MULHERES DA PREFEITURA DE GUARAPUAVA VAI A APUCARANA VER O PORQUE A CIDADE GANHA TANTOS PRÊMIOS EM POLITICAS PARA MULHERES

Grupo de nove guarapuavanas colheu informações sobre iniciativas municipais que estão sendo referenciadas como exemplo positivo em várias premiações pelo Brasil (Foto: Edson Denobi

Uma comitiva da Prefeitura de Guarapuava, esteve em Apucarana ontem quarta-feira (31/01) para ver de perto os programas desenvolvidos pela Secretaria da Mulher e Assuntos da Família e que estão sendo referenciados como exemplo positivo em várias premiações pelo Brasil, como o Programa de Economia Solidária e Protagonismo Feminino, que tem foco a autonomia financeira e geração de renda (cursos profissionalizantes e encaminhamento ao mercado de trabalho), e o Centro de Atendimento à Mulher (CAM),
onde as apucaranenses têm acesso gratuito a atendimento social, psicológico e jurídico, com toda assessoria para que a pessoa encontre um caminho que a liberte do ciclo de violência.
Capitaneado pela secretária Municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Priscila Schran de Lima, durante a visita o grupo de nove pessoas – composto por psicóloga, advogada, assistente social e técnicas da prefeitura – foi assessorado pela secretária da Mulher e Assuntos da Família de Apucarana, Denise Canesin Moisés Machado.
 “Conheci as iniciativas de Apucarana durante as reuniões mensais de uma câmara técnica fomentada pelo Governo do Paraná em Curitiba e chegamos com o interesse inicial de trocar experiências no campo do atendimento à mulher em situação de violência, pois temos em Guarapuava o serviço de abrigo, mas não temos uma legislação como Apucarana, que criou um programa de auxílio moradia às vítimas. 
Mas a visita acabou sendo ainda mais proveitosa do que imaginávamos, onde tivemos acesso a outras iniciativas fortalecedoras executadas por Apucarana e que certamente são aplicáveis a nossa realidade”, assinalou a secretária Priscila.
Além do auxílio para mulheres em situação de violência, regulamentado pela Lei Municipal nº 090/2015, outras ações que chamaram a atenção da comitiva foram o sistema informatizado do Centro de Atendimento à Mulher (CAM) e a rede de economia solidária. 
“Guarapuava e Apucarana são cidades de porte semelhante, até por isto tivemos ainda mais interesse em conhecer de perto o que vem dando tanto certo aqui. assinalou a secretária Priscila.
Lobo Noticias com informações do TN on line

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA
LIGUE JA