quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Polícia Ambiental flagra 17,61 hectares desmatados em Guarapuava


Nota para Imprensa

No município de Guarapuava, localidade de Cara Pintado, durante atendimento a denúncia, o BPAmb-FV, local em que foi constatado grande desmate de vegetação nativa

Nos dias 23 e 24 de outubro de 2017, em Atendimento a denuncia, a qual versa sobre o corte de madeira nativa, a equipe de policiais ambientais deslocou ate a localidade “Cara Pintado” distrito de Palmeirinha, local em que foi constatado o corte de 381 pinheiros araucárias, 45 imbuias, espécies estas ameaçadas de extinção, e ainda 305 arvores nativas diversas (como Miguel pintado, Carne de vaca, Guamirim, Canela e outras).

É importante ressaltar que varias destas árvores foram cortadas em área considerada de preservação permanente (margens de córrego e do Rio Marrecas).
Mediante o calculo de área, levantado através de GPS, constatou-se um dano de 10,80 hectares.
Toda a documentação elaborada será encaminhada a Delegacia de Policia Civil de Guarapuava e ao Escritório Regional do IAP em Guarapuava, para as medidas cabíveis.
A área total do desmate foi de 17,61 hectares.

Guarapuava, 4ª Cia/BPAmb-FV/, telefones (042) 3621-7900 e (042) 3629-2161, e-mail: denunciaambiental@pm.pr.gov.br.


Sd. QPM 1-0 Vanessa Cristina Soranzo/4ª Cia/BPAmb-FV.

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA
LIGUE JA