segunda-feira, 8 de maio de 2017

GRECA CONSEGUE PROIBIÇÃO DE ACAMPAMENTOS EM CURITIBA ATÉ O DIA DE LULA

foto arquivo - GRECA E O ENTÃO AMIGO LULA!


A pedido do prefeito Rafael Greca, a juíza Diele Denardin Zydek, da 5ª Vara da Fazenda Pública, proibiu qualquer tipo de acampamento em Curitiba a partir das 23 horas desta segunda-feira até as 23 horas de quarta-feira, data do depoimento do ex-presidente Lula ao juiz Sérgio Moro.
Pela decisão da juíza, no caso de montagem de estruturas e de acampamentos nas ruas e praças haverá multa diária de R$ 50 mil.

Também está proibida a passagem de pedestres e de veículos na região da Justiça Federal, sob pena de multa diária de R$ 100 mil ou de R$ 50 mil, com exceção de quem estiver cadastrado, segundo informa o G1.

Frente Brasil reclama 

A Frente Brasil Popular Paraná, que agrega diversos movimentos sociais, repudiou a decisão do prefeito Rafael Greca e da Justiça.
Em nota afirma que “a medida é uma forma de criminalização dos movimentos sociais, porque busca impedir a vinda pacífica e democrática de milhares de pessoas que buscam debater os rumos da democracia, entre os dias 9 e 10 de maio, os atuais ataques contra os direitos sociais pelo governo Temer, assim como o papel hoje político cumprido pelo Judiciário”.
A Frente assegura que isso não impedirá as caravanas e a expectativa é que “o direito de ir e vir e a liberdade de manifestação sejam respeitados nos próximos três dias”.

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA
LIGUE JA