quinta-feira, 13 de abril de 2017

GUARAPUAVA: FANTASMA 2 : MAIS UM VEREADOR E EX VEREADOR DENUNCIADOS CRIMINALMENTE PELO GAECO

Ministério Público do Paraná, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) de Guarapuava, propôs ontem  quarta feira (12), denúncia criminal contra um vereador e um ex-vereador da cidade por corrupção ativa e passiva. Os nomes não foram citados pelo MP-PR.

De acordo com o órgão, os fatos narrados na ação penal se referem à Operação Fantasma 2, deflagrada no ano passado pelo MPPR e voltada a coibir a utilização irregular de cargos públicos para práticas assistencialistas ou eleitoreiras.

Na denúncia em questão, é relatada a troca de favores entre os dois agentes políticos, ocorrida no período de outubro de 2012 a janeiro de 2013: um teria recebido do colega um cargo de assessor de gabinete para, em troca, não se habilitar à uma função chave  na Câmara de Vereadores. Como descreve o Gaeco, “Ao se valer de um assessor de gabinete a mais, o vereador beneficiado ( CUJO NOME NÃO FOI CITADO) implementou um trabalho ilegal de assistencialismo junto aos seus eleitores, utilizando-se dos assessores como meros ‘cabos eleitorais permanentes’ no seu distrito, remunerados pelo Poder Público”, em afronta direta à Lei Municipal nº 04/2011 e à Resolução nº 06/2012.




ASSESSORIA - MP GAECO


ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA

ENTRE EM CONTATO - SUA PAUTA
LIGUE JA